Psicólogos escolhem seus representantes nos Conselhos

Em 27 de agosto, comemora-se o Dia do Psicólogo. Mas, em 2004, esse não é o único motivo pelo qual a categoria se mobiliza. Nesta data, em todo o país, estarão acontecendo as eleições para os Conselhos Regionais e Federal de Psicologia. As chapas vencedoras serão responsáveis pela gestão da autarquia no próximo triênio. Para conduzir e normatizar o processo no Rio de Janeiro, foi eleita, em Assembléia Geral Extraordinária, realizada em 16 de fevereiro, a Comissão Regional Eleitoral (CRE), conforme estabelecido na Resolução CFP no. 002/00.
Em 27 de agosto, comemora-se o Dia do Psicólogo. Mas, em 2004, esse não é o único motivo pelo qual a categoria se mobiliza. Nesta data, em todo o país, estarão acontecendo as eleições para os Conselhos Regionais e Federal de Psicologia. As chapas vencedoras serão responsáveis pela gestão da autarquia no próximo triênio. Para conduzir e normatizar o processo no Rio de Janeiro, foi eleita, em Assembléia Geral Extraordinária, realizada em 16 de fevereiro, a Comissão Regional Eleitoral (CRE), conforme estabelecido na Resolução CFP no. 002/00.
Além de ser um exercício de cidadania, o voto é obrigatório, pessoal, secreto e intransferível. Caso o profissional tenha algum problema e não possa comparecer no dia da eleição, deve encaminhar uma justificativa ao CRP. Podem votar psicólogos regularmente inscritos no Conselho, ou seja, quites com a tesouraria em relação aos exercícios anteriores (anuidades de 2003) até o dia das eleições e em pleno gozo dos seus direitos.
As eleições para os conselhos regionais e federal estão vinculadas às diretrizes para o desenvolvimento da Psicologia, como ciência e profissão, traçadas pela categoria no V Congresso Nacional de Psicologia, que aconteceu entre 17 e 20 de julho, em Brasília. Além de normatizar e fiscalizar o exercício profissional, os Conselhos participam das lutas empreendidas pelos movimentos sociais que discutem e fazem avançar temas, como a luta antimanicomial, o direito à educação inclusiva e a democratização da comunicação, pautando as questões relacionadas à subjetividade humana.
Existem três formas de voto – presencial, por correspondência e em separado. O primeiro refere-se aos psicólogos residentes nos municípios do Rio de Janeiro, Niterói, São Gonçalo, Nova Iguaçu, Mesquita, Nilópolis e Petrópolis. Para facilitar e agilizar o processo, o voto será eletrônico, em urnas disponibilizadas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Os locais de votação foram distribuídos seguindo os endereços constantes no cadastro do CRP-05 e divulgados através de correspondência e em jornais de grande circulação, no mês de julho, conforme determinado no edital. As informações também estão disponíveis no site www.crprj.org.br.
Nas demais cidades do estado do Rio, o voto será por correspondência. Neste caso, o eleitor recebe o material enviado pela Comissão Regional Eleitoral, que deve receber o material de volta ao Conselho até 23 de agosto. Os psicólogos inadimplentes que desejarem regularizar sua situação financeira no próprio dia da eleição, tornando-se aptos a votar, só poderão fazê-lo na Sede Tijuca, na Rua Delgado de Carvalho, 53, onde haverá uma urna específica para estes casos.
A apuração será realizada no próprio dia 27 de agosto e a posse dos eleitos acontece no prazo de no máximo 30 dias após o pleito. Mais informações sobre as eleições podem ser obtidas com a Comissão Regional Eleitoral, na sede do CRP-05, sala 21, todas as quartas-feiras, entre 11h e 12h, pessoalmente ou por telefone: 2234-1022 ramal 229.

Mais informações:
Conselho Regional de Psicologia do Rio de Janeiro (CRP-05)
Rua Delgado de Carvalho, 53 – Tijuca
Tel: 2234-1022 (ramal 252) / e-mail: comunicacaosocial@crprj.org.br
Renata Grieco – 21- 9663-8928
Juliana Isidoro – 21 – 9451-7415

About RedePsi

Portal de Psicologia com Notícias, Artigos, Links e Serviços de Divulgação de Cursos, Eventos e Produtos da Área.

,

Comments are closed.