Idosos apresentam mais depressão e ansiedade quando habitam áreas mais populosas

Estudo inglês publicado no periódico American Journal of Public Health avaliou as relações da privaçã oambiental e densidade populacional com a depressão e ansiedade emidosos acima de 75 anos. Os pesquisadores utilizaram os códigos postais para ligar os dados do censo com informações individuais em relação à depressão e ansiedade de 13.349 indivíduos que participaram de exames de triagem para um ensaio clínico. Viver nas áreas com mais carência socioeconômica se associou com a depressão (or 1.4), mas essa relação desapareceu após ajuste para características de privação individuais. Não houve associação com ansiedade. Viver nas áreas mais populosas se associou com depressão (or 1.6) e ansiedade (or1.5) em relação às áreas menos populosas. Os autores concluíramque a depressão em idosos pode ser explicada pela saúde individual, fatores demográficos e socioeconômicos, e que o aumento da densidade populacional se associa a risco aumentado de depressão e ansiedade.

Fonte: [url=http://www.ajph.org/cgi/content/abstract/94/10/1768]American Journal of Public Health[/url]
Estudo inglês publicado no periódico American Journal of Public Health avaliou as relações da privaçã oambiental e densidade populacional com a depressão e ansiedade emidosos acima de 75 anos. Os pesquisadores utilizaram os códigos postais para ligar os dados do censo com informações individuais em relação à depressão e ansiedade de 13.349 indivíduos que participaram de exames de triagem para um ensaio clínico. Viver nas áreas com mais carência socioeconômica se associou com a depressão (or 1.4), mas essa relação desapareceu após ajuste para características de privação individuais. Não houve associação com ansiedade. Viver nas áreas mais populosas se associou com depressão (or 1.6) e ansiedade (or1.5) em relação às áreas menos populosas. Os autores concluíramque a depressão em idosos pode ser explicada pela saúde individual, fatores demográficos e socioeconômicos, e que o aumento da densidade populacional se associa a risco aumentado de depressão e ansiedade.

Fonte: [url=http://www.ajph.org/cgi/content/abstract/94/10/1768]American Journal of Public Health[/url]

,

Comments are closed.