Síndrome de Pânico

A Síndrome ou Transtorno de Pânico se caracteriza pela ocorrência espontânea e inesperada de ataques de pânico. Esses ataques têm duração relativamente breve, com intensa ansiedade ou medo, junto à sintomas somáticos como palpitações e traquipnéia. Quanto aos sintomas, em um nível mais popular, geralmente o indivíduo se queixa depalpitações (o coração dispara), dores no peito, tontura, atordoamento, dificuldade de respirar, sensação de formigamento ou de fraqueza nas mãos, calafrios ou ondas de calor, sensação de “estar sonhando”, terror- sensação de que algo horrível está prestes a acontecer e de que você está impotente para evitar tal acontecimento, medo de perder o controle e fazer algo embaraçoso, medo de morrer e de ter “desarranjo intestinal” e, finalmente, sensações de náuseas e vômitos.

Fonte: [url=http://bemstar.ig.com.br/index.php?modulo=corpoevida_mat&type=5]Portal IG Bem Estar[/url]
A Síndrome ou Transtorno de Pânico se caracteriza pela ocorrência espontânea e inesperada de ataques de pânico. Esses ataques têm duração relativamente breve, com intensa ansiedade ou medo, junto à sintomas somáticos como palpitações e traquipnéia. Quanto aos sintomas, em um nível mais popular, geralmente o indivíduo se queixa depalpitações (o coração dispara), dores no peito, tontura, atordoamento, dificuldade de respirar, sensação de formigamento ou de fraqueza nas mãos, calafrios ou ondas de calor, sensação de “estar sonhando”, terror- sensação de que algo horrível está prestes a acontecer e de que você está impotente para evitar tal acontecimento, medo de perder o controle e fazer algo embaraçoso, medo de morrer e de ter “desarranjo intestinal” e, finalmente, sensações de náuseas e vômitos.

Fonte: [url=http://bemstar.ig.com.br/index.php?modulo=corpoevida_mat&type=5]Portal IG Bem Estar[/url]

,

Comments are closed.