RedePsi - Psicologia

Notícias

Mente quieta e atenta traz vida mais saudável

Em meio ao bombardeiro de informações que as pessoas recebem todos os dias, a tarefa de ordenar e de acalmar os pensamentos é cada vez mais difícil. Segundo o especialista Ivan Izquierdo, do Centro da Memória da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, existe um “aparelho” no cérebro chamado de memória de trabalho que tem a função de “separar o joio do trigo”. “Ele fica o tempo todo checando as informações que já temos arquivadas e as novas que chegam, para discernir o que devemos guardar”, diz Izquierdo, que pratica meditação para acalmar os pensamentos. “O segredo é saber manter o foco da atenção somente no que nos interessa.”

Fonte: [url=http://www1.folha.uol.com.br/folha/equilibrio/noticias/ult263u3874.shtml]Folha Online[/url]Em meio ao bombardeiro de informações que as pessoas recebem todos os dias, a tarefa de ordenar e de acalmar os pensamentos é cada vez mais difícil. Segundo o especialista Ivan Izquierdo, do Centro da Memória da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, existe um “aparelho” no cérebro chamado de memória de trabalho que tem a função de “separar o joio do trigo”. “Ele fica o tempo todo checando as informações que já temos arquivadas e as novas que chegam, para discernir o que devemos guardar”, diz Izquierdo, que pratica meditação para acalmar os pensamentos. “O segredo é saber manter o foco da atenção somente no que nos interessa.”

Fonte: [url=http://www1.folha.uol.com.br/folha/equilibrio/noticias/ult263u3874.shtml]Folha Online[/url]

Acesso à Plataforma

Assine a nossa Newsletter