CONTRA FUMO, BEBIDA E DROGAS: as vantagens da refeição em família

A mesa de jantar foi por muito tempo um exemplo da união da família. Mas recentemente, cientistas têm sugerido motivos convincentes – como um menor risco do fumo, da bebida e do uso de drogas ilícitas entre adolescentes – para que as famílias colocassem cadeiras em torno da mesa.

Fonte: [url=http://ultimosegundo.ig.com.br/materias/nytimes/1956501-1957000/1956610/1956610_1.xml]IG Saúde[/url]
A mesa de jantar foi por muito tempo um exemplo da união da família. Mas recentemente, cientistas têm sugerido motivos convincentes – como um menor risco do fumo, da bebida e do uso de drogas ilícitas entre adolescentes – para que as famílias colocassem cadeiras em torno da mesa.

Fonte: [url=http://ultimosegundo.ig.com.br/materias/nytimes/1956501-1957000/1956610/1956610_1.xml]IG Saúde[/url]
O interesse no ritual pode ter sido estimulado pelas preocupações pelo fato de o número de famílias que não jantam juntas estar crescendo. De acordo com inúmeras pesquisas, 30% a 40% das famílias não jantam juntas de cinco a sete noites por semana. No entanto, a maior parte das famílias jantam juntas em alguns dias da semana.

Famílias com adolescentes mais velhos jantam juntas muito menos freqüentemente em relação àquelas que possuem crianças mais novas.

Comments are closed.