RedePsi - Psicologia

Notícias

Entender as emoções é importante – Artigo Médico

Emoções são tipos distintos de sensações corporais que experimentamos diante de situações específicas. Elas variam em intensidade, de sutis a incrivelmente fortes. Estão constantemente conosco, ou seja, estamos sempre sentindo algo.

Emoções são tipos distintos de sensações corporais que experimentamos diante de situações específicas. Elas variam em intensidade, de sutis a incrivelmente fortes. Estão constantemente conosco, ou seja, estamos sempre sentindo algo.

Quando não prestamos atenção ao que estamos sentindo é que começam a surgir os problemas, como ansiedade, angústia, estresse, podendo chegar aos extremos como depressão, transtorno do pânico, bem como as “famosas” doenças psicossomáticas (doenças físicas cuja causa preponderante é de natureza psicológica). Portanto, entender as nossas emoções é a chave para entendermos a nós mesmos. Saber que sentimentos temos dentro de nós, a intensidade deles e o que queremos fazer com eles.

Existem quatro emoções básicas: raiva (sentimento que faz com que defendamos a nós mesmos), medo (sentimento que evita que você corra grandes riscos), tristeza (é a emoção que nos ajuda a sofrer: ela literalmente “lava” e “limpa” a dor de perder alguma coisa ou alguém em nossas vidas) e alegria (é o que experimentamos quando essas necessidades – liberdade, segurança e contato – estão satisfeitas).

Todas as outras formas de sentimentos são misturas dessas – como cores derivadas das cores primárias – vermelho, amarelo e azul.

Existem milhares de combinações possíveis – como inveja, uma mistura de raiva e medo; ou nostalgia, uma mistura de tristeza e alegria. E, ainda o ciúme, uma variante da ira que também funde a tristeza e o medo.

Conhecendo as nossas emoções, aprendemos que elas são importantes para a nossa sobrevivência. A melhor maneira de tornar as pessoas mais inteligentes emocionalmente é começar a educá-las quando ainda crianças. Depois já adulto, para melhorar sua própria inteligência emocional, a primeira tarefa é desapren-der e reaprender.

fonte:[url=http://www.ilhanoticias.com.br/ilha/noticia.asp?Edicao=1241&ID=3345]www.ilhanoticias.com.br[/url]

Acesso à Plataforma

Assine a nossa Newsletter