Álcool e nicotina afetam o córtex pré frontal

O alcoolismo é frequëntemente associado com o tabagismo crônico, e acredita-se que o álcool e a nicotina agem na mesma região do cérebro.
O alcoolismo é frequëntemente associado com o tabagismo crônico, e acredita-se que o álcool e a nicotina agem na mesma região do cérebro.
Um novo estudo, baseado em pesquisas anteriores que identificaram quatro potenciais genes sensíveis ao álcool no córtex pré frontal, descobriu que o ato de fumar também influencia na expressão destes genes.

“Nicotina e álcool são ambas drogas que podem viciar facilmente”, disse o pesquisador Traute Flatscher-Bader, da Universidade de Queensland e autor do estudo. “Estas drogas agem na mesma região cerebral, relacionadas à recompensa, que influenciam na liberação do neurotransmissor dopamina, responsável pela sensação de prazer. A nicotina e o álcool causam um desequilíbrio nesta região cerebral, aumentando artificialmente os níveis de dopamina,” disse ele.

Nikki Zuvela, também da Universidade de Queensland, afirma que o tabaco e o álcool causam “mudanças moleculares na região do cérebro relacionada ao desenvolvimento do vício, e que afetam a mediação de desejo, prazer, auto-controle, tomada de decisões, medo e emoção”.

Fonte: [url=http://www.sciencedaily.com/releases/2006/04/060423222638.htm]www.sciencedaily.com[/url]

About RedePsi

Portal de Psicologia com Notícias, Artigos, Links e Serviços de Divulgação de Cursos, Eventos e Produtos da Área.

,

Comments are closed.