“Neurônios-espelhos” podem ser a chave do aprendizado e da cultura

[b][size=medium]“Neurônios-espelhos” podem ser a chave do aprendizado e da cultura[/size][/b]

[i]Com novo nome, a revista Viver Mente&Cérebro, agora Mente e Cérebro, descreve novas descobertas que têm surpreendido os neurocientistas[/i]

A revista Viver Mente&Cérebro, da Duetto Editorial, vai adentrar junho de cara nova: passa a se chamar Mente e Cérebro e sofrerá pequenas alterações gráficas e editoriais.

Nesta edição, estão descritas as recentes descobertas sobre os neurônios-espelho, um dos achados mais importantes das neurociências nos últimos tempos (alguns cientistas até ousam dizer que essas células irão fazer pela psicologia o que o DNA fez pela biologia).

Espalhados por partes fundamentais do cérebro – o córtex pré-motor e os centros para linguagem, empatia e dor – esses neurônios agem quando realizamos uma determinada ação e nos momentos em que observamos alguém realizar essa ação. Na sua forma mais básica, isso significa que ensaiamos ou imitamos mentalmente toda ação observada.

Sua ação explica, por exemplo, como aprendemos a sorrir, conversar, caminhar ou dançar. Em nível mais profundo, a revelação sugere que existe uma dinâmica biológica para a complexa troca de idéias a que chamamos “cultura”.

Ainda nesta edição da revista, em artigo especial para a Mente e Cérebro, o neurologista e escritor Oliver Sacks conta o caso da mulher que aprendeu a se comunicar sem palavras após um derrame.

Sobre a Mente e Cérebro – www.mentecerebro.com.br

Publicada desde 2004 pela Duetto Editorial, a Mente e Cérebro mantém parceria com a revista alemã Gehirn&Geist. Com circulação de 38 mil exemplares por mês (IVC), a revista fornece informação de qualidade sobre psicologia, psiquiatria, psicanálise e neurociências, em artigos produzidos por especialistas estrangeiros e brasileiros. O grupo Conhecimento da Duetto publica ainda as revistas Scientific American Brasil, História Viva e EntreLivros, que podem ser adquiridas pelo site www.lojaduetto.com.br.
[b][size=medium]“Neurônios-espelhos” podem ser a chave do aprendizado e da cultura[/size][/b]

[i]Com novo nome, a revista Viver Mente&Cérebro, agora Mente e Cérebro, descreve novas descobertas que têm surpreendido os neurocientistas[/i]

A revista Viver Mente&Cérebro, da Duetto Editorial, vai adentrar junho de cara nova: passa a se chamar Mente e Cérebro e sofrerá pequenas alterações gráficas e editoriais.

Nesta edição, estão descritas as recentes descobertas sobre os neurônios-espelho, um dos achados mais importantes das neurociências nos últimos tempos (alguns cientistas até ousam dizer que essas células irão fazer pela psicologia o que o DNA fez pela biologia).

Espalhados por partes fundamentais do cérebro – o córtex pré-motor e os centros para linguagem, empatia e dor – esses neurônios agem quando realizamos uma determinada ação e nos momentos em que observamos alguém realizar essa ação. Na sua forma mais básica, isso significa que ensaiamos ou imitamos mentalmente toda ação observada.

Sua ação explica, por exemplo, como aprendemos a sorrir, conversar, caminhar ou dançar. Em nível mais profundo, a revelação sugere que existe uma dinâmica biológica para a complexa troca de idéias a que chamamos “cultura”.

Ainda nesta edição da revista, em artigo especial para a Mente e Cérebro, o neurologista e escritor Oliver Sacks conta o caso da mulher que aprendeu a se comunicar sem palavras após um derrame.

Sobre a Mente e Cérebro – www.mentecerebro.com.br

Publicada desde 2004 pela Duetto Editorial, a Mente e Cérebro mantém parceria com a revista alemã Gehirn&Geist. Com circulação de 38 mil exemplares por mês (IVC), a revista fornece informação de qualidade sobre psicologia, psiquiatria, psicanálise e neurociências, em artigos produzidos por especialistas estrangeiros e brasileiros. O grupo Conhecimento da Duetto publica ainda as revistas Scientific American Brasil, História Viva e EntreLivros, que podem ser adquiridas pelo site www.lojaduetto.com.br.

About Marina Bellissimo Rodrigues

,

Comments are closed.