Fumaça de cigarro pode matar fumantes passivos, diz estudo

A fumaça do cigarro representa um sério risco para a saúde e pode matar fumantes passivos –tanto crianças como adultos–, alerta um estudo da Direção de Saúde Pública dos Estados Unidos divulgado nesta semana.”Os efeitos na saúde para os fumantes passivos são mais profundos do que tínhamos pensado”, afirmou em um comunicado o diretor de Saúde Pública dos EUA, Richard Carmona.
A fumaça do cigarro representa um sério risco para a saúde e pode matar fumantes passivos –tanto crianças como adultos–, alerta um estudo da Direção de Saúde Pública dos Estados Unidos divulgado nesta semana.”Os efeitos na saúde para os fumantes passivos são mais profundos do que tínhamos pensado”, afirmou em um comunicado o diretor de Saúde Pública dos EUA, Richard Carmona.
“Os efeitos na saúde para os fumantes passivos são mais profundos do que tínhamos pensado”, afirmou em um comunicado o diretor de Saúde Pública dos EUA, Richard Carmona.

“A evidência científica é agora irrefutável: a fumaça para os fumantes passivos não é apenas um incômodo, é um sério perigo para a saúde, que pode levar a doenças e à morte prematura de crianças e adultos”, afirmou Carmona.

O estudo mostra que os mais vulneráveis são as crianças ainda em fase de desenvolvimento, já que “até uma breve exposição à fumaça tem efeitos colaterais imediatos no sistema cardiovascular e aumenta o risco de doenças do coração e câncer de pulmão”.

Ainda de acordo com a pesquisa, os fumantes passivos têm de 25% a 30% mais chances de desenvolver enfermidades cardiovasculares e de 20% a 30% de sofrer câncer de pulmão.

Cerca de 126 milhões de americanos estão regularmente expostos à fumaça de cigarro.

“A boa notícia é que, ao contrário de outras ameaças para a saúde pública, a exposição à fumaça do cigarro é fácil de prevenir com leis que criam mais espaços onde não se pode fumar”, disse Carmona.

Fonte: [url=http://www1.folha.uol.com.br/folha/ciencia/ult306u14771.shtml]www.folha.com.br[/url]

About Marina Bellissimo Rodrigues

Comments are closed.