Estudo aborda a compulsão por lançamentos tecnológicos

Tem pessoas que são simplesmente compulsivas por novidades. Parece que não sossegam enquanto não tiverem comprado a última versão do “player” de MP3, o mais novo videogame do mercado, o laptop “hig tech” que acabou de ser lançado.
Tem pessoas que são simplesmente compulsivas por novidades. Parece que não sossegam enquanto não tiverem comprado a última versão do “player” de MP3, o mais novo videogame do mercado, o laptop “hig tech” que acabou de ser lançado.
Essa obsessão pelo “novo” tem nome: neofilia. O motivo biológico do fenômeno, que já foi considerado a patologia social dos dias de hoje, pode ter sido desvendado por pesquisadores japoneses.

Os cientistas da Escola de Medicina da Universidade de Yamagata descobriram uma forte associação entre uma enzima chamada “monoamina oxidase A” e a neofilia, após testar 324 voluntários no país, coração do mundo tecnológico.

Segundo o estudo, pessoas com maior quantidade dessa enzima tendem a sentir maior atração pelos lançamentos do que aqueles que a apresentam em menor concentração.

Ainda não está comprovado, no entanto, isso pode significar que os neofílicos têm predisposição genética para a compulsão.

Fonte: [url=http://www.msn.com.br/financas/noticias/noticia3/]www.msn.com[/url]

Comments are closed.