Indústrias do tabaco elevam conteúdo de nicotina nos cigarros

O conteúdo de nicotina inalado pelos fumantes e por aqueles que ficam a seu lado aumentou em cerca de 10% durante os últimos sete anos nos EUA. Isso é o que informa o relatório do departamento de saúde pública do estado americano de Massachusetts.
O conteúdo de nicotina inalado pelos fumantes e por aqueles que ficam a seu lado aumentou em cerca de 10% durante os últimos sete anos nos EUA. Isso é o que informa o relatório do departamento de saúde pública do estado americano de Massachusetts.
Segundo o documento, apesar do consumo per capita de cigarros ter diminuído, a quantidade de nicotina consumida por cigarro aumentou. Consequentemente, a quantidade de nicotina aspirada pelas pessoas próximas dos fumantes também aumentou.

Apenas três estados norte-americanos exigem que as companhias de tabaco informem todos os anos acerca do conteúdo dos cigarros vendidos, sendo o estado de Massachusetts um deles. Desde 1998, quando as informações sobre os cigarros passaram a ser exigidas, nunca havia sido detectada uma alteração no conteúdo da nicotina nos cigarros vendidos em Massachusetts, sendo esta mudança notada pela primeira vez no ano de 2004.

Segundo foi observado, as taxas de nicotina foram bastante aumentadas em 92 das 116 marcas de cigarros fabricados pelas três principais companhias de tabaco: Lorillard, Philip Morris, e RJ Reynolds.

A informação foi publicada na última edição da revista “British Medical Journal.”

Fonte: [url=http://boasaude.uol.com.br/news/index.cfm?news_id=6564]www.bibliomed.com.br[/url]

About Marina Bellissimo Rodrigues

,

Comments are closed.