Saiba mais sobre Anorexia

A anorexia nervosa é um distúrbio psiquiátrico caracterizado pela redução drástica da ingestão de alimentos. É uma doença grave, com comprometimentos físicos e psíquicos, que atinge quase que exclusivamente as mulheres, principalmente adolescentes entre 13 e 17 anos.
A anorexia nervosa é um distúrbio psiquiátrico caracterizado pela redução drástica da ingestão de alimentos. É uma doença grave, com comprometimentos físicos e psíquicos, que atinge quase que exclusivamente as mulheres, principalmente adolescentes entre 13 e 17 anos.
A paciente com anorexia tem uma grande obsessão com o corpo e passa a tomar atitudes drásticas para não engordar.

“A anoréxica tem uma imagem corporal deturpada, por isso se vê gorda e sempre acha que precisa emagrecer mais”, disse a psicóloga Heloísa Helena Garbugliu.

Diagnóstico:
O diagnóstico da anorexia e 100% clínico. Não existe um teste ou exame que possa revelar quem apresenta a doença.

Evolução do problema:
Inicialmente, a paciente com anorexia expressa uma preocupação excessiva com o peso corporal e começa a se interessar por dietas, sempre observando o número de calorias de cada alimento. Progressivamente, o regime vai se tornando mais radical e alimentos começam a ser abolidos totalmente do cardápio.

Visivelmente mais magra, a paciente só come alimentos light e diet e começa a usar roupas largas. O jejum também é freqüente, e, muitas vezes, até líquidos são evitados.

As anoréxicas costumam esconder alimentos, comem lentamente e cortam a comida em pequenos pedaços. Elas também mastigam, sugam a parte líquida da comida e cospem o sólido. Nessa fase, é muito freqüente a prática da bulimia (provocar o vômito ou ingerir laxantes e diuréticos para eliminar o que foi ingerido).

Em uma fase adiantada da doença, o ciclo menstrual da paciente é interrompido, ela apresenta a pele seca e amarelada, cabelos finos e quebradiços e o organismo começa a ficar muito debilitado.

Complicações médicas:
De acordo com Ellen Simone Paiva, médica especializada em endocrinologia e nutrologia, a anorexia pode levar à várias complicações médicas, como desnutrição grave, elevação do colesterol, gastrite, úlceras, desidratação, desmaios freqüentes e arritmia cardíaca.

Tratamento:
O tratamento contra a anorexia deve ser feito com ajuda de um psiquiatra e um terapeuta. Na maioria dos casos, a paciente precisa tomar remédios específicos, indicados para depressão.

O tratamento é considerado bastante difícil, já que a pessoa não reconhece que tem o problema, e a paciente pode apresentar várias recaídas, até conseguir superar o problema.

Fonte: [url=http://saude.terra.com.br/transtornosalimentares/interna/0,,OI1281752-EI8011,00.html]Terra[/url]

About Marina Bellissimo Rodrigues

,

Comments are closed.