Ministério da Saúde investe R$ 18 milhões no Telessaúde

Com objetivo de tornar mais acessível o atendimento à saúde, o Ministério da Saúde lançou, em parceria com universidades, o Telessaúde. O programa possibilita a realização de consultas à distância por meio de videoconferência. Os recursos previstos para os três primeiros anos do programa somam R$ 18 milhões.
Com objetivo de tornar mais acessível o atendimento à saúde, o Ministério da Saúde lançou, em parceria com universidades, o Telessaúde. O programa possibilita a realização de consultas à distância por meio de videoconferência. Os recursos previstos para os três primeiros anos do programa somam R$ 18 milhões.
Com a ferramenta o Ministério pretende também otimizar os recursos destinados ao setor. Para cada R$ 1 real investido no Telessáude, o governo prevê a economia de R$ 100 em despesas diretas e indiretas.

Universidades públicas de oito estados já aderiram ao programa. As instituições de ensino, responsáveis pela operação tecnológica do projeto, recebem recursos do Ministério e em contrapartida, são obrigadas a implantar 100 pontos de atendimento em seu estado.

O Telessaúde também promoverá a capacitação e educação dos profissionais com cursos à distância.

Fonte Saúde Business Web

 

Comments are closed.