Dia Nacional do Movimento Popular da Luta Antimanicomial no Brasil

No dia 18 de Maio é comemorado o Dia Nacional do Movimento Popular da Luta Antimanicomial no Brasil.

Mais um ano de Luta Antimanicomial e de poucas conquistas ainda, para uma minoria há décadas escondida em chiqueiros psiquiátricos, longe dos falsos olhos sensíveis de uma sociedade que pouco faz por seus semelhantes.

"Não seja uma vítima primeiro para depois exigir mudanças". Previna-se… Participando deste evento.

Aos Companheiros dos Direitos Humanos – Dentro do histórico forense brasileiro não existe punições aos crimes, e nem indenizações as vítimas psiquiátricas. Em menos de cincoenta anos esta falsa psiquiatria, também em conluio com a Ditadura Militar, matou mais de trezentos mil cidadãos, e numero semelhante foram inutilizados, destruidos em sua saúde mental. Milhares hoje ainda vivem como mendigos psiquiátricos pelo Brasil.

* Antes da festa no Domus VENH A FAZER UM "HAPPY HOUR ANTIMANICOMIAL" na Biblioteca Alceu Amoroso Lima em Pinheiros, esquina da Av. Henrique Schaumann com a Rua Cardeal Arcoverde.

 

No dia 18 de Maio é comemorado o Dia Nacional do Movimento Popular da Luta Antimanicomial no Brasil.

Mais um ano de Luta Antimanicomial e de poucas conquistas ainda, para uma minoria há décadas escondida em chiqueiros psiquiátricos, longe dos falsos olhos sensíveis de uma sociedade que pouco faz por seus semelhantes.

"Não seja uma vítima primeiro para depois exigir mudanças". Previna-se… Participando deste evento.

Aos Companheiros dos Direitos Humanos – Dentro do histórico forense brasileiro não existe punições aos crimes, e nem indenizações as vítimas psiquiátricas. Em menos de cincoenta anos esta falsa psiquiatria, também em conluio com a Ditadura Militar, matou mais de trezentos mil cidadãos, e numero semelhante foram inutilizados, destruidos em sua saúde mental. Milhares hoje ainda vivem como mendigos psiquiátricos pelo Brasil.

* Antes da festa no Domus VENH A FAZER UM "HAPPY HOUR ANTIMANICOMIAL" na Biblioteca Alceu Amoroso Lima em Pinheiros, esquina da Av. Henrique Schaumann com a Rua Cardeal Arcoverde.

 

O AUTOR NA PRAÇA na Biblioteca Temática de Poesia Alceu Amoroso Lima

Apresenta

Balada pela Reforma Psiquiátrica e aniversário do Movimento Nacional da Luta Antimanicomial (MNLA).

Autógrafos do livro Canto dos Malditos, leituras, performances poético-teatrais, apresentações musicais, exibição de vídeo e outras loucuras…

O projeto O Autor na Praça acontece desde 1999, no Espaço Plínio Marcos, tenda na Feira de Artes da Praça Benedito Calixto, e em diversos eventos na grande São Paulo, reunindo escritores, poetas, cartunistas, músicos e outros artistas. Tendo como ponto central a literatura e agregando outras formas de manifestações artísticas, o projeto ocupará a Biblioteca, promovendo lançamentos de livros, recitais, apresentações musicais etc.

Dias 18 e 25 de maio e 1, 15, 22 e 29 de junho, sextas, às 19h30, no auditório

Por conta do dia nacional de Luta Antimanicomial (18 de maio), teremos atividades e atrações relacionadas ao tema. Além dos artistas convidados, contaremos com a presença de Austregésilo Carrano Bueno, autografando o livro Canto dos Malditos, que originou o filme Bicho de Sete Cabeças, o mais premiados da cinematográfica brasileira. O livro e o filme influenciaram na Lei Federal de Reforma Psiquiátrica nº 10.216/01. Contaremos com a presença de usuários, familiares e técnicos da reforma psiquiátrica. Veja a programação abaixo.

 

SERVIÇO – O Autor na Praça na Biblioteca – Evento pela Reforma Psiquiátrica e aniversário do MNLA.

Dia 18 de maio, Sexta-Feira, a partir das 19h30h – Entrada Franca

Biblioteca Temática de Poesia Alceu Amoroso Lima – Auditório

Av. Henrique Schaumann, 777 – Pinheiros – SP – Tel. 3082 5023 / 3063 3064

Informações: Edson Lima – Tel. 3085 1502 / 9586 5577 – oautornapraca@oautornapraca.com.br

Parcerias e Apoio: Coordenadoria do Sistema Municipal de Bibliotecas, Max Design, Jornal da Praça, Cantinho português, Bar do Jeová.

 

PROGRAMAÇÃO

19h30 – Autógrafos do livro Canto dos Malditos

19h30 – Exibição do documentário Psiquiatria – Uma Indústria da Morte, produzido pela Comissão Internacional de Direitos Humanos

20h00 – Depoimento de Austregrésilo Carrano Bueno

20H15 – Performance do coreógrafo e bailarino Marcos Abranches

20h30 – Apresentação do Grupo de teatro da Praça Benedito Calixto

20h50 – Apresentação musical com o músico Harold Oliveira.

21h20 – Performance do Grupo de Teatro Gato Seco: "ELETROCONVULSOTERAPIA" com Direção de Austregésilo Carrano Bueno, com Lílian Grünwaldt, Tayla Sobczynski e Vanessa Santos

21h40 – Banda HERA’S, apresentando músicas de repertório autoral, composições de Cássia Eller, Cazuza, Renato Russo e músicas da trilha sonora do filme Bicho de Sete Cabeças

Nos intervalos das apresentações haverá leituras de poemas e textos relacionados ao tema

Além do evento O Autor na Praça na Biblioteca, outras atividades estão sendo desenvolvidas, como Oficinas, Exposição, e Apresentações Musicais, vejam a programação completa da Biblioteca: http://portal.prefeitura.sp.gov.br/secretarias/cultura/bibliotecas/bibliotecas_bairro/bibliotecas_a_l/alceu/0004

DIA 18 DE MAIO – Dia Nacional do Movimento Popular da Luta Antimanicomial no Brasil.

“Festividades antimanicomiais em várias regiões brasileiras, eventos que chamam a atenção da sociedade para a urgência da Reforma Psiquiátrica. Com um novo modelo da visão sobre o sofrimento mental em sua abordagem, acompanhamento e apoio, somando-se muita criatividade chegam-se aos tratamentos realmente humanizados… Visando ao retorno do convívio social, respeitando todos os Direitos Constitucionais do portador de sofrimento mental, dando-lhe respeito e qualidade de vida. Possuímos uma Rede de Trabalhos Substitutivos aos Hospitais Psiquiátricos que em nossa visão são ambientes semelhantes aos antigos Leprosários e Sanatórios para Tuberculose que já fecharam, faltando agora extinguir os Hospícios Brasileiros que são especializados em drogadição, confinamento, torturas e morte. São esses os objetivos concretos do Movimento Nacional da Luta Antimanicomial (MNLA)”. Austregésilo Carrano Bueno. – Representante Nacional dos Usuários na Reforma Psiquiátrica do Brasil (cantodosmalditos@yahoo.com.br) .

Sobre Carrano: http://pt.wikipedia.org/wiki/Austreg%C3%A9silo_Carrano_Bueno

Sobre a luta Antimanicomial: http://www.redepsi.com.br/portal/modules/soapbox/article.php?articleID=131

Contato com o grupo MNLA: http://www.grupos.com.br/group/mnla

Contato com o Fórum Paulista de Luta Antimanicomial: antimanicomial_sp@yahoo.com.b

About RedePsi

Portal de Psicologia com Notícias, Artigos, Links e Serviços de Divulgação de Cursos, Eventos e Produtos da Área.

,

Comments are closed.