Experimentos Comportamentais, uso de animais em

Estudamos o comportamento de animais porque é mais simples. Os processos básicos descobrem-se mais facilmente e podem ser registrados durante longos períodos de tempo. Nossas observações não são prejudicadas pela relação social entre sujeito e experimentador. As condições podem ser mais controladas. É possível dispor histórias genéticas para controlar certas variáveis, e histórias de vida especiais para controlar outras, por exemplo, se estivermos interessados em como um organismo aprende a ver, o animal pode ser mantido no escuro até que o primeiro experimento comece e assim por diante.

About Eduardo Alencar

Psicólogo comportamental do Cais/USP (2009), pós graduado em Psicologia Comportamental e cognitiva pela USP, com formação técnica em administração de empresas, extensão universitária em OBM e em Acompanhamento Terapêutico pelo Núcleo Paradigma, especializ

Comments are closed.