RedePsi - Psicologia

Dicionário

tratamento moral

Em psiquiatria, é o tratamento humano do doente mental. O movimento ini­ciado no século XVIII, em prol de um trata­mento mais humano dos insanos, foi propagado pelos franceses. Jean-Baptiste Pussin, um cur­tidor que se tornou "prefeito" no Hospice de Bicêtre em Paris, ensinou a Philippe Pinel os métodos psicológicos que ele havia desenvol­vido para cuidar dos pacientes incuráveis de seu pavilhão. Entre outras coisas, Pussin trocou as correntes por camisas-de-força, em 1787, ainda que geralmente se credite a Pinel tais reformas. Mas a libertação do doente mental não ocorreu sem uma resistência considerável por parte dos médicos, dos políticos da época e da população de Paris, e acusou-se Pinel, mais de uma vez, de estar abrigando traidores em seu hospital. Um dia ele foi cercado por urna multidão que ameaçou linchá-Io em função de seus "crimes". Conseguiu escapar da morte graças à interferência de seu guarda-costas Chevigne, que lutou e venceu a turba – o mesmo Chevigne que havia estado no primeiro grupo de pacientes a ser libertado de seus grilhões.

O passo seguinte dado por Pinel foi treinar o pessoal hospitalar em cuidados adequados aos doentes mentais, e foi a sua organização dos hospitais que demonstrou pela primeira vez o valor da pesquisa hospitalar e pavimentou o terreno para o tratamento moral e a psico­terapia.

Nos Estados Unidos, Benjamin Rush (1745-1813) fez parte do movimento em prol da humanização dos métodos de tratamento, in­cluindo a abolição da contenção física e melho­ria dos cuidados físicos. O tratamento moral e o tratamento humano são os antecessores his­tóricos da moderna comunidade terapêutica.

Os defensores do tratamento psicológico em outras regiões foram Willis, Haslam e os Tuke na Inglaterra, Fowler na Escócia, Daquin em Chambery, Chiarugi em Florença, os Irmãos de Caridade, e o inspetor médico militar francês Jean Colombier*. Dois séculos depois desses movimentos no estrangeiro, tentativas organizacionais e de humanização do tratamento psiquiátrico foram realizadas no Brasil, por Franco da Rocha e Ulysses Pernambucano.

Acesso à Plataforma

Assine a nossa Newsletter