mão que balança

Aparece como uma estereotipia na síndrome catatônica. É um balançar, ou o agitar de uma das mãos, com os dedos abertos, e projeção do indicador. Se dermos um cigarro ou uma caneta para o paciente pegar ele pára imediatamente de balançar, o que mostra que não é algo orgânico. Este sinal aparece no surto agudo. Mas, mesmo depois de curado do surto, o paciente poderá ficar com este defeito que vez por outra se manifesta. Tive uma paciente que por anos me ocultou que já fora internada em hospital psiquiátrico quando jovem. Disso eu tinha certeza, pois ela apresentava, vez por outra, o sinal do focinho (Vide) e o chacoalhava a mão direita.

About Adalberto Tripicchio

Psiquiatra - Pós-doc em Filosofia Membro do Viktor Frankl Institute Vienna Docente da BI Foundation FGV/Berkeley

Comments are closed.