liebestod

Termo alemão, de J. C. Flugel, para designar as fantasias que envolvem a morte de um ente querido. Tais fantasias podem signi­ficar um desejo de ser engravidada pelo parceiro e/ou uma tentativa de negar a possibilidade de morte, fantasiando a união eterna com a mãe.

About Adalberto Tripicchio

Psiquiatra – Pós-doc em Filosofia
Membro do Viktor Frankl Institute Vienna
Docente da BI Foundation FGV/Berkeley

Comments are closed.