Pesquisa revela que o uso de cocaína afeta parte do cérebro ligada à força de vontade

Pesquisadores irlandeses constataram que a cocaína altera partes do cérebro associadas ao que coloquialmente é chamado de força de vontade. Foram realizados exames nos cérebros de usuários da droga enquanto eles faziam trabalhos no computador, e constataram que a cocaína aumentou a atividade em áreas do córtex pré-frontal, região do cérebro associada ao controle emocional e à tomada de decisões.
Pesquisadores irlandeses constataram que a cocaína altera partes do cérebro associadas ao que coloquialmente é chamado de força de vontade. Foram realizados exames nos cérebros de usuários da droga enquanto eles faziam trabalhos no computador, e constataram que a cocaína aumentou a atividade em áreas do córtex pré-frontal, região do cérebro associada ao controle emocional e à tomada de decisões.
Os exames também revelaram diferenças nas estruturas cerebrais dos usuários de cocaína. Ainda não se sabe se estas diferenças existiam antes dos examinados começarem a usar a droga ou se foram resultado do hábito.

Mas as descobertas levantam a possibilidade de que diferenças na estrutura cerebral possam fazer com que pessoas sejam potencialmente mais vulneráveis aos efeitos da cocaína.

Saiba mais…

Fonte: BOL notícias

,

Comments are closed.