camuflagem neurótica

O empenho neurótico em disfarçar. "Representa uma tentativa de conci­liação de dois processos psíquicos que tendem a seguir direções opostas. O paciente deseja ser obediente à compulsão imposta pela neuro­se, mas, ao mesmo tempo, sente-se impelido a atender à necessidade psíquica de harmonizar o seu comportamento com os requisitos e as exigências do seu meio social. Atrevo-me a afirmar que a camuflagem social constitui uma característica típica no comportamento de to­dos os neuróticos numa determinada fase de desenvolvimento de sua neurose." A camuflagem neuró­tica é particularmente evidente no paciente obsessivo-compulsivo, cuja necessidade de con­formismo o impele com freqüência à reencena­ção obsessiva.

About Adalberto Tripicchio

Psiquiatra – Pós-doc em Filosofia
Membro do Viktor Frankl Institute Vienna
Docente da BI Foundation FGV/Berkeley

Comments are closed.