apelação

Uma das 5 estratégias diretivas da Logoterapia:
Consiste em apelar-se para a porção sadia do paciente, a qual sempre existe, pois nunca um mal atinge-nos totalmente. Assim, é um recurso técnico pelo qual reavivamos, como um fole na lareira, as emoções e sentimentos do cliente em estado de transtorno psíquico, resgatando-lhe sua capacidade de sentir, sua humanidade oculta pela mal estar, seu estrato noético, o mais elevado de todos da personalidade. Se o paciente chorar ou sorrir, enaltecemos estas demonstrações como sendo as mais adequadas possíveis àquela sua situação existencial, que por si já mostram sua coragem diante de todo o sofrimento vivido.

About Adalberto Tripicchio

Psiquiatra - Pós-doc em Filosofia Membro do Viktor Frankl Institute Vienna Docente da BI Foundation FGV/Berkeley

Comments are closed.