Existência em Jaspers

Para Jaspers: Existência – o termo existência não tem o mesmo sentido para todos os filósofos considerados como pertencentes ao movimento do existencialismo ou filosofia da existência. Daí resultaram não poucos mal-entendidos. Para Jaspers, em primeiro lugar, a existência não pertence à ordem dos fatos, mas da liberdade. Eis porque Jaspers fala de preferência da existência possível. Esclarecer a existência não é adquirir um saber, mas suscitar a liberdade, aumentar as suas possibilidades, levá-las a uma atualização autêntica. É submeter a uma crítica restritiva os dogmatismos de todo o gênero que pretendam abafá-la sob sua apodicticidade, sua universalidade, exclusivismo e univocidade das suas evidências ou certezas. É também fixar à existência a sua verdadeira natureza, seu sentido, seu objetivo, impedi-la de pretender uma universalidade impessoal ou de ceder aos caprichos do arbirário.

About Adalberto Tripicchio

Psiquiatra – Pós-doc em Filosofia
Membro do Viktor Frankl Institute Vienna
Docente da BI Foundation FGV/Berkeley

Comments are closed.