fala espalhada

Um tipo de distúrbio no discurso comumente encontrado na esquizofrenia hebe­frênica e marcado especialmente pela falta de conteúdo consistente, enredo e coerência. Essa falta deve-se principalmente às tendências do paciente para a condensação e a formação de neologismos. O paciente condensa "toda uma série de eventos afins numa única palavra ou frase".

           

About Adalberto Tripicchio

Psiquiatra – Pós-doc em Filosofia
Membro do Viktor Frankl Institute Vienna
Docente da BI Foundation FGV/Berkeley

Comments are closed.