Segundo pesquisa, 75% das idosas contraíram HIV dos maridos

Foi realizada uma pesquisa com cerca de cem idosos com o vírus HIV atendidos no Hospital Emílio Ribas, em São Paulo, e cujo levantamento foi feito a partir de seus relatos.

Foi realizada uma pesquisa com cerca de cem idosos com o vírus HIV atendidos no Hospital Emílio Ribas, em São Paulo, e cujo levantamento foi feito a partir de seus relatos.

Jean Gorinchteyn, infectologista responsável pela pesquisa, mostra que entre as mulheres com mais de 60 anos, 75% foram infectadas pelo marido; entre os homens, 80% contraíram o vírus em relações fora do casamento. Ele afirma também que as pessoas normalmente têm uma idéia errada sobre os idosos em relação ao sexo. Com a perda da libido da mulher com a idade, o homen começa a buscar o sexo fora do casamento e contrai o vírus, infectando posteriormente sua esposa.

Em levantamento feito pelo Hospital das Clínicas da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais), mostrou-se que a maioria das mulheres que possuíam o vírus HIV tiveram na vida, em média, dois parceiros sexuais. "As mulheres não cogitam usar camisinha porque se sentem protegidas no casamento", diz o infectologista Dirceu Greco, da UFMG.

Há faixas etárias em que a incidência de Aids está diminuindo. Entre os idosos, no entanto, esse número tem sido crescente: nos homens com mais de 60 anos, os casos passaram de 5,1 (por 100 mil habitantes) em 1996 para 9,4 em 2006; já entre as mulheres acima de 60 anos, o índice subiu de 1,7 para 5,1.

Notícia feita a partir da fonte:

Bol – Brasil OnLine

Por Carla Destro para RedePsi

,

Comments are closed.