Consumo intenso de bebidas alcoólicas pode gerar câncer de mama

Estudo realizado pelo Centro de Pesquisa do Álcool e publicado na revista European Journal of Public Health, mostra que mulheres que bebem muito em um intervalo pequeno de tempo dobram suas chances de desenvolver câncer de mama. Foram analisadas cerca de 17 mil enfermeiras com mais de 44 anos de idade.

Estudo realizado pelo Centro de Pesquisa do Álcool e publicado na revista European Journal of Public Health, mostra que mulheres que bebem muito em um intervalo pequeno de tempo dobram suas chances de desenvolver câncer de mama. Foram analisadas cerca de 17 mil enfermeiras com mais de 44 anos de idade.

Segundo a pesquisa, o risco de câncer aumenta certa de 2% com cada bebida adicional consumida, porém esse número pode subir para 4% durante os finais de semana, isso porque é nesse período que se ingere maior quantidade de bebida em um espaço concentrado de tempo, como acontece aos sábados e domingos.

Mulheres que bebem entre 22 e 27 unidades de bebida por semana tem 130% mais chances de desenvolver câncer de mama, comparado àquelas que consomem entre uma e três unidades. A unidade foi estabelecida como uma garrafa pequena de cerveja ou uma taça de vinho.

Entre as mulheres analisadas, mais de 25% consomem mais do que a quantidade recomendada de bebidas por semana, que é de 14 unidades. Uma em cada dez voluntárias admitiu beber durante a semana, consumindo mais do que quatro bebidas por dia; 13% dessas mulheres costumam beber mais durante os finais de semana.

Os pesquisadores alertam para que elas diminuam a quantidade de álcool que consomem, pois o consumo exagerado pode aumentar os níveis de estrogênio, hormônio associado ao desenvolvimento de câncer de mama.

Notícia feita a partir da fonte:

BBC Brasil

Por Carla Destro para RedePsi

About RedePsi

Portal de Psicologia com Notícias, Artigos, Links e Serviços de Divulgação de Cursos, Eventos e Produtos da Área.

Comments are closed.