droga, fase da Discriminação da

Esta é a fase em que o indivíduo encontra sua droga de eleição e passa a usá-la de forma progressiva, nem que tenha de usar outras substâncias para os efeitos indesejáveis que aparacem. É uma fase de transição da dependência psicológica para a orgânica, e quando o indivíduo, ou já reconheceu empiricamente o circuito afetado, ou o afetou pelo uso freqüente da droga.

About Adalberto Tripicchio

Psiquiatra - Pós-doc em Filosofia Membro do Viktor Frankl Institute Vienna Docente da BI Foundation FGV/Berkeley

Comments are closed.