Jornada de Análise do Comportamento de Ribeirão Preto

Aconteceu nos dias 13 e 14 de Junho de 2008 no anfiteatro da UNIP, a primeira Jornada de Análise do Comportamento de Ribeirão Preto /SP, organizada pelo Instituto Psicolog com o propósito de propagar o conhecimento na área da Análise do Comportamento de Ribeirão Preto e região.

Aconteceu nos dias 13 e 14 de Junho de 2008 no anfiteatro da UNIP, a primeira Jornada de Análise do Comportamento de Ribeirão Preto /SP, organizada pelo Instituto Psicolog com o propósito de propagar o conhecimento na área da Análise do Comportamento de Ribeirão Preto e região.

No dia 13, a primeira atração foi uma mesa redonda sobre o tema: “Transtornos de Ansiedade: do modelo médico à terapia”, tendo como integrantes da mesa a psiquiatra Maria Cecília Freitas Ferrari, e as psicólogas Andreza Cristiana Ribeiro e Fabiana Guerrelhas. De uma forma geral o modelo médico age estabelecendo critérios estatísticos, padrões e seu objetivo são eliminar o sintoma e a doença. Já o modelo behaviorista prioriza as funções do comportamento, onde vai olhar o organismo e o ambiente, vê as ações, o que o indivíduo faz e não o que ele tem, vai olhar a história do condicionamento respondente e operante, etc, e o modelo médico se baseará mais no DSM-IV e na CID-10.

No dia 14, a primeira palestra foi com a psicóloga Regina Wielenska com o tema: “Transtorno de controle impulsivo”, e logo em seguida houve o lançamento da revista Psicolog, com a publicação de artigos originais sobre a análise do comportamento. Para ter acesso cadastre-se no site www.psicolog.com.br

Outra palestra de destaque da jornada foi a do psiquiatra José Alexandre S. Crippa que falou sobre o uso da Cannabis e Ansiedade, onde segundo estudos a Maconha causa Ansiedade, tendo prejuízo do ajuste psicológico, na educação. A Ansiedade pode levar ao uso da Maconha, uma hipótese de auto medicação não eficaz.

Na palestra de encerramento, para falar sobre a Terapia Comportamental em Ribeirão Preto esteve presente as psicólogas Vera Regina Lignelli Otero, Heloísa Helena Ferreira da Rosa e Juliana Setem, que falaram dos primórdios da Análise do Comportamento até os dias de hoje na cidade.

,

Comments are closed.