Sedentarismo infantil e educação física escolar: um aporte baseado no conceito de metacontingência

8ª Jornada de Análise do Comportamento – UFSCar – 2009

Natália Pinheiro Orti;
Kester Carrara 
Departamento de Psicologia, Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho

Apresentações de Painéis

O resumo apresenta um projeto de pesquisa de iniciação científica, pois a pesquisa propriamente dita encontra-se, no presente momento, na fase de coleta de dados. Diante das propostas de Skinner sobre planejamento cultural, a Análise do Comportamento tem investido em pesquisas na direção de elucidar instrumentos de análise e demandas sociais para elaboração de delineamentos culturais que visem propor soluções para problemas sociais complexos. Dentre os desafios para o planejamento cultural, a literatura aponta que o sedentarismo infantil é uma prática cultural que traz muitos prejuízos à saúde dos indivíduos na infância e na vida adulta, além de trazer riscos para a sobrevivência da cultura em longo prazo. Entende-se sedentarismo por falta ou grande redução de atividade física, sendo que a literatura considera sedentária a criança que ocupa menos de trezentos minutos por semana em atividades físicas no deslocamento ou lazer. Diante desse contexto, o presente projeto tem por objetivo identificar e descrever, através do conceito de metacontingência, se em alguma medida as práticas educativas existentes no contexto da Educação Física Escolar determinam a prática cultural do sedentarismo infantil. Participarão deste projeto três educadores físicos e três turmas de aproximadamente 25 alunos de escolas municipais de Ensino Fundamental de Bauru – SP. Os procedimentos incluem aplicação de questionário com alunos para estimar a prevalência de sedentarismo infantil, entrevista semi-estruturada com os educadores físicos sobre questões relacionadas à prática profissional e observação seguida de registro de três aulas de Educação Física de cada uma das três turmas, totalizando doze aulas. Essas observações serão traduzidas em descrição das contingências e metacontingências que envolvem professores e alunos nas aulas de Educação Física. Mediante a análise de resultados que identifiquem contingências presentes na Educação Física que se relacionam com a prática cultural de sedentarismo infantil, pretende-se elaborar um delineamento cultural visando sugerir soluções para a prevenção e redução do sedentarismo infantil nesse contexto.

About RedePsi

Portal de Psicologia com Notícias, Artigos, Links e Serviços de Divulgação de Cursos, Eventos e Produtos da Área.

Comments are closed.