Menino autista usa computador para se comunicar

O canal de notícias G1 publicou, neste dia 22/06/2010 uma matéria a respeito do garoto Jamie Ponsonby, menino britânico de 13 anos, diagnosticado autista, que consegue só consegue se comunicar através de um computador.
O canal de notícias G1 publicou, neste dia 22/06/2010 uma matéria a respeito do garoto Jamie Ponsonby, menino britânico de 13 anos, diagnosticado autista, que consegue só consegue se comunicar através de um computador.
Seus familiares se surpreendem pois, através da digitação, ele fala sobre coisas que seus pais não tinham idéia que ele conhecia, como se existisse "alguém ali que sabe tudo que está acontecendo" (sic).

Quando era mais jovem, Jamie Ponsonby se comunicava por meio de sinais, mas seu quadro foi se agravando de modo a perder esta habilidade. Desde os nove anos, então, seus pais começaram a estimular a habilidade de digitar o que pensa em um computador.

Sua mãe relata que começou ensinando-o a digitar coisas que antes ele conseguia falar por meio de sinais; e que, deste modo, conseguiu progressos lentos.

A medida em que o tempo passava, Jamie Ponsonby foi refinando a habilidade e, hoje, já é capaz de escrever poemas no computador. Havia escrito um sobre autismo há poucos dias.

Embora o método seja criticado por alguns cientistas – os quais alegam que não há como saber o grau de interferência de quem está em volta no que ele comunica pelo teclado -, trata-se de uma bela demonstração de como a tecnologia pode ajudar a melhorar a qualidade de vida dos clientes das clínicas psicológicas.

Fonte: Canal de notícias G1.

Comments are closed.