Obesidade e atrofia cerebral podem estar associadas

É o que dizem os dados de uma pesquisa realizada na Universidade da Califórnia, em Los Angeles, de acordo com o site da revista Viver Mente e Cérebro.

É o que dizem os dados de uma pesquisa realizada na Universidade da Califórnia, em Los Angeles, de acordo com o site da revista Viver Mente e Cérebro.

Os pesquisadores descobriram que um gene ligado à obesidade, presente em quase metade dos europeus ocidentais, podem também estar associado a atrofia cerebral. Ele é uma variação do gene FTO, que pode causar uma pequena, porém
significativa redução no volume cerebral.

Participaram da pesquisa um total de 206 caucasianos idosos e saudáveis que tiveram o cérebro escaneados para a construção de mapas em 3 dimensões.

Os pesquisadores destacam que o excesso de peso é um fator de risco para o declínio cognitivo; o que, por sí só, não explica a atrofia no cérebro dos portadores do gene. Para que algo seja confirmado, então, são necessárias novas pesquisas.

Fonte: viver mente e cérebro.

About RedePsi

Portal de Psicologia com Notícias, Artigos, Links e Serviços de Divulgação de Cursos, Eventos e Produtos da Área.

Comments are closed.