Causas da enxaqueca podem ser genéticas

É a conclusão a que chegaram pesquisadores britânicos em uma pesquisa publicada na revista Nature Medicine. A notícia é do portal G1.

É a conclusão a que chegaram pesquisadores britânicos em uma pesquisa publicada na revista Nature Medicine. A notícia é do portal G1.

De acordo com Zameel Cader, um dos autores do estudo, um gene chamado Tresk fica inativo ou funciona de maneira incorreta nos pacientes que apresentam enxaqueca. De acordo com o pesquisador, o que se quer agora é encontrar algum remédio que o ative, para que assim, a enxaqueca possa ser tratada de maneira efetiva.

Fonte: portal G1

Comments are closed.