A qualidade do relacionamento entre as crianças: O que os pais e professores podem fazer?

Zilda Aparecida Pereira Del Prette Universidade Federal de São Carlos

Os estudos sobre habilidades sociais no Brasil tem se caracterizado por uma amplitude cada vez maior de aplicações e de pesquisas, com produção de evidências de efetividade em diferentes contextos. Um desses contextos é a escola, com programas especificamente voltados para a intervenção direta junto à criança e para a intervenção indireta (sob um modelo triádico) visando a qualidade e a efetividade das relações professor-aluno na promoção do desenvolvimento socioemocional das crianças, do sucesso acadêmico e da superação de problemas de comportamento, que competem com esses dois processos. Também tem sido desenvolvidos programas especificamente voltados para pais, entendendo-se a parceria família-escola como condição importante para o sucesso acadêmico e o desenvolvimento global dos alunos. Os programas efetivos de promoção de habilidades sociais se sustentam amplamente em princípios e técnicas derivados da Análise do Comportamento, com a preocupação social e ética de construção de novas práticas culturais, tanto na família como na escola. Nesta palestra, serão apresentadas algumas noções sobre promoção de habilidades sociais em crianças e sobre habilidades sociais educativas requeridas de pais e professores nesse processo, estabelecendo-se um espaço de interlocução com esses dois segmentos para a solução de dúvidas e dificuldades em suas relações com as crianças, ilustrando-se comportamentos sociais que favorecem ou dificultam a qualidade e a efetividade dessas relações.  

About RedePsi

Portal de Psicologia com Notícias, Artigos, Links e Serviços de Divulgação de Cursos, Eventos e Produtos da Área.

Comments are closed.