Jogos eletrônicos são usados para exercitar o cérebro

E eles algumas vezes são tão específicos como aparelhos de academia: "alguns servem apenas para aquecer os neurônios, outros para ativar áreas específicas do cérebro que trabalham com memória, atenção, linguagem e a visão espacial. O cérebro funciona como um músculo, dizem os neurocientistas. Tende a ficar mais forte à medida que é usado"(sic).

E eles algumas vezes são tão específicos como aparelhos de academia: "alguns servem apenas para aquecer os neurônios, outros para ativar áreas específicas do cérebro que trabalham com memória, atenção, linguagem e a visão espacial. O cérebro funciona como um músculo, dizem os neurocientistas. Tende a ficar mais forte à medida que é usado"(sic).

Atualmente existem mais de 40 jogos eletrônicos destinados ao exercício de habilidades cerebrais específicas. Conforme noticia a revista Época, todos eles dizem embasar-se nas últimas descobertas da neurociência e terem o aval dos principais estudiosos da área.

Os primeiros jogos do tipo, no Brasil, chegaram por meio do site Cérebro Melhor. São versões de games desenvolvidos pela empresa francesa Happy Neuron, os quais permitem a montagem de treinos personalizados e até a comparação de seu desempenho com pessoas de outros  países, do mesmo sexo, idade e escolaridade.

De acordo com a revista Época, especialistas dizem que jogos do tipo além de melhorarem o desempenho cerebral, retardam sintomas de doenças degenerativas, como o Alzheimer, embora não impeçam seu surgimento.

Fonte: revista época.

About RedePsi

Portal de Psicologia com Notícias, Artigos, Links e Serviços de Divulgação de Cursos, Eventos e Produtos da Área.

Comments are closed.