Vídeos de automutilação podem estimular o comportamento

A conclusão é de um estudo conduzido por psicólogos das Universidades de Guelph e McGill, no Canadá. os autores analisaram 100 vídeos do youtube com cenas de automutilações, durante o estudo.

A conclusão é de um estudo conduzido por psicólogos das Universidades de Guelph e McGill, no Canadá. os autores analisaram 100 vídeos do youtube com cenas de automutilações, durante o estudo.

Os autores do vídeo explicam que mesmo quando adotam um tom de autoajuda, estas imagens podem estimular o comportamento em jovens predispostos a ferir o próprio corpo. Eles argumentam que os vídeos mostram apenas as pessoas tristes e a automutilação para o alívio da angústia.

Sobre a angústia, Jackeline Giusti, psiquiatra do ambulatório do HC, explica que a liberação de endorfina no cérebro em decorrência da automutilação reduz o sofrimento causado por outros motivos. Esta seria uma explicação para a manutenção do Comportamento.

Fonte: Folha Uol.

Comments are closed.