Carlos Fuentes morre aos 83 anos

O escritor Carlos Fuentes morreu nesta terça (15) aos 83 anos em um hospital na Cidade do México. A notícia foi confirmada pelo ministério da Cultura mexicano.

15/05/2012-16h16

As fontes do hospital Ángeles Pedregal, onde estava internado, não quiseram detalhar as causas da morte. "Sim, está aqui. Faleceu", limitou-se a anunciar a fonte do serviço de emergências. "Não há mais informações, pois isso depende do médico que está a cargo.".

Nascido em 1928, Fuentes escreveu mais de 20 livros. Vencedor do Prêmio Cervantes em 1987 e do Príncipe de Astúrias em 1994, era considerado um dos escritores mexicanos de maior reconhecimento.

Era casado com a jornalista mexicana Silvia Lemús. Do casamento, nasceram seus filhos Carlos Rafael, que era hemofílico e morreu em 1999 aos 25 anos, e Natasha, que morreu alguns anos depois aos 32 anos por causas desconhecidas.

Autor de "A Morte de Artemio Cruz", "A Região Mais Transparente", "Em 68" e "A Cadeira da Águia", também era conhecido por seu olhar crítico sobre a sociedade mexicana contemporânea e a política neoconservadora do ex-presidente americano George W. Bush.

O presidente do México, Felipe Calderón, se pronunciou no Twitter: "Lamento profundamente a morte do nosso querido e admirado Carlos Fuentes, escritor mexicano e universal. Descanse em paz".

O prefeito da Cidade do México, Marcelo Ebrard, também escreveu na rede social: "O México teve uma grande perda: Carlos Fuentes morreu".

Veja lista de obras de Carlos Fuentes publicadas em português

– "A Morte de Artemio Cruz"
– "Eu e os Outros Ensaios Escolhidos"
– "Gringo Velho"
– "Cristóvão Nonato"
– "A Campanha"
– "A Laranjeira"
– "Aura"
– "A Fronteira de Cristal"
– "Os Anos com Laura Diaz"
– "O Espelho Enterrado"
– "Instinto de Inez"
– "Contra Bush"
– "A Cadeira da Águia"
– "Este é meu Credo"
– "Inquieta Companhia"
– "Geografia do Romance"
– "Em 68"
– "A Vontade e a Fortuna"
– "Todas as Famílias Felizes"
– "Adão no Éden"

Adalberto Tripicchio PhD

Comments are closed.


loading...