Estudo aponta que crianças atenciosas e persistentes possuem maior chance de sucesso acadêmico

Crianças capazes de prestar atenção e serem persistentes em uma tarefa possuem 50% mais chance de sucesso acadêmico, segundo recente pesquisa da Oregon State University.
O estudo analisou 430 crianças em idade pré-escolar, apontando que competências sociais e comportamentais, como prestar atenção, seguir regras e completar uma tarefa, podem ser mais importantes que as próprias habilidades acadêmicas.

Os autores apontam também que a atenção e a persistência são habilidades maleáveis e que podem ser ensinadas; Segundo Megan McClelland, coautora do estudo, os dados apresentados demonstram que importantes fatores que predizem o sucesso acadêmico são estão relacionados a habilidades de escrita ou habilidades matemáticas, mas sim se as crianças são capazes ou não de prestar atenção e finalizar tarefas aos quatro anos.
 
Aos pais das crianças foram questionados para classificar as crianças em relação a situações como “brincar com um único brinquedo durante um longo período de tempo” ou “a criança desiste facilmente quando dificuldades são encontradas”; Habilidades matemáticas e de leitura foram verificadas aos sete anos e, aos 21 anos, o mesmo grupo fora testado novamente em relação às mesmas habilidades.

Os dados do estudo apontaram que as habilidades de leitura e matemática não foram fatores que significantemente predisseram se os indivíduos obtiveram ou não sucesso acadêmico, sendo que os pesquisadores descobriram que as crianças classificadas pelos seus pais com maiores níveis de atenção e persistência aos 4 anos obtiveram aproximadamente 50% maiores chances de obtiver bacharelado aos 25 anos.

McClelland aponta que quanto mais cedo educadores e pais puderem interver, mais chances da criança obter o sucesso acadêmico; “Os fatores importantes notados no estudo relacionam-se ao foco e a persistência. O indivíduo pode ser brilhante, mas não necessariamente significa que ele consiga se focar quando necessita ou quando precisa terminar uma tarefa”.

A coautora aponta que jogos de classe simples podem ser instrumentos efetivos para aumentar tanto as habilidades literárias como as habilidades de auto regulação; A mesma conclui pontuando que as habilidades de ouvir, prestar atenção e completar tarefas são cruciais para o futuro sucesso na vida.

Fonte: Oregon State University

Comments are closed.


loading...