Infância traumática pode desenvolver traços de personalidade impulsivos na vida adulta

A pesquisa, realizada pela Universidade de Cambridge, objetivou identificar fatores de risco que fazem o indivíduo vulnerável ao desenvolvimento de dependência de substâncias – tendo em vista que a impulsividade ou compulsividade, por sua vez, estão associadas a um maior risco de desenvolvimento de vícios.

Estudo correlaciona os eventos traumáticos ocorridos na infância com traços de personalidade impulsivos e compulsivos na vida adulta.

Os pesquisadores analisaram 50 adultos com dependência de cocaína e seus respectivos irmãos e irmãs biológicas – que nunca utilizaram drogas. Todos os participantes foram submetidos a avaliações acerca de suas personalidade, sendo investigados também sobre as experiências negativas que viveram durante suas infâncias – incluindo abuso físico, emocional ou sexual.

Os resultados da pesquisa demonstram que as experiências abusivas durante a infância tem efeitos de longo prazo no comportamento adulto, sendo que os irmãos analisados tiveram infâncias com mais problemas quando comparados a indivíduos saudáveis da comunidades, além dos resultados apontarem para uma relação direta entre as personalidade dos indivíduos e suas infâncias traumáticas; “Essa relação é interessante porque os traços de personalidade impulsiva são conhecidos por aumentar o risco de desenvolvimento de adicção a substancias, apesar de que tais traços não podem ser tratadas como status causal”, conclui o estudo.

A pesquisa aponta ainda que nem todos os indivíduos com os traços de personalidade citados tiveram uma criação traumática ou irão desenvolver uma adicção; Entretanto as descobertas do estudo demonstram que algumas pessoas estão particularmente sob maior risco e tal criação pode ter contribuído para esse aumento.

Fonte: Universidade de Cambridge

, ,

Comments are closed.


loading...