Archive | Momento Behaviorista RSS feed for this section

Modelo disso x modelo daquilo: isso é benchmarking no Brasil?

É comum entre os profissionais de recursos humanos uma prática de melhoria contínua de processos denominada de “Benchmarking”. Em síntese, é uma tendência americana que traduz a troca de informações, cases, ideias, material de diferentes naturezas que por sua vez, propicia o desenvolvimento de estratégias de gestão de pessoas. 

Continue Reading

Geração X, Y & Z: Podemos analisa-las a luz da analise do comportamento?

Recentemente no âmbito organizacional podemos observar a mais nova tendência tipológica em dividir o homem x seu tipo de personalidade para estudar o seu (s) comportamento (s): “A teoria das gerações”. Antes de teoriza-las, é importante observar que tal contingência sempre existiu. É algo presente e facilmente observado em nosso dia a dia e relações familiares (De avô para pai, de pai para filho, etc), porém, somente nos últimos anos é que este fenômeno (“Geraç&otil…

Continue Reading

Como conseguir clientes em clinica psicológica?

"O objetivo da primeira sessão terapêutica nada mais é do que fazer o cliente voltar na segunda"Mally Delitti

Continue Reading

Rotinas do Analista de Recursos Humanos em Recrutamento e Seleção

Muitos estudantes de graduação me procuram ao conseguir seus estágios na área de RH, em especial junto aos subsistemas de recrutamento, seleção, treinamento e desenvolvimento, solicitando dicas, esclarecimentos de rotinas e afins. Decidi elaborar este artigo pautado em minha própria prática de RH para formalizar e facilitar a busca destas informações ao público que me acompanha.

Continue Reading

Ei psicólogo analítico – comportamental, você está pronto para era WEB e a gradual robotização humana?

Depois que o fenômeno da globalização acelerou a interface do 3º nível determinante de comportamento humano (Cultura) alterando as metacontingências e macrocontingências no mundo todo, processo irreversível do ponto de vista das ciências humanas, que por sua vez impactou diretamente sobre os outros 2 níveis (Filogenético e ontogenético), agora como diria Heys, para atuar de forma funcional e saudável do ponto de vista biopsicossocial, vejo a “Aceitação e Compromisso com…

Continue Reading

Terapia analítico – comportamental e o manejo dos sentimentos do Ciúme

A psicologia, preocupada com o homem, complexo e único em sua totalidade, estuda os fenômenos humanos sob o olhar de diferentes vertentes teóricas. Uma delas, é a analise do comportamento baseada na filosofia do behaviorismo radical de B.F. Skinner, que investe o seu arcabouço teórico em avaliações funcionais não apenas do homem em si, mas também, nas relações de suas ações nos ambientes com os quais se relaciona / mundo, que tipo de conseqüências geradas nelas tem impa…

Continue Reading

Analise do Comportamento, quadros relacionais e mudanças sociais

O Comportamento na visão de uma analista do comportamento behaviorista radical é compreendido pela relação entre ações de um organismo e as conseqüências geradas por ele no ambiente a sua volta, tal interação funcional e recíproca formam classes de respostas, de estímulos, de regras, operantes, respondentes, esquemas, equivalência entre outras que por sua vez são multideterminadas filogeneticamente, ontogeneticamente e culturalmente a cada segundo dando ao sujeito característi…

Continue Reading

Da entrevista comportamental ao Organizational Behavior Management (OBM): O que o analista do comportamento pode e tem feito pelas organizações?

A presente coluna apresenta sintetizadamente o conteúdo ministrado em conferência na II JAC (Jornada de Analise do Comportamento) de Jundiaí. Quando a comissão organizadora da II JAC Jundiaí me fez o convite para lalestrar sobre a prática do analista do comportamento nas organizações em setembro de 2009, honrado, aceitei sem hesitar e hoje, compartilho com esta comunidade de grande renome que é o Redepsi.
Continue Reading

O que as canções infantis de hoje podem dizer sobre o adulto de amanhã?

A analise do comportamento considera o comportamento como a relação entre o que as pessoas fazem, qual a relação e conseqüência destas ações no ambiente e como tais conseqüências retroagem e influenciam no comportamento das mesmas. Tal noção de comportamento acredita ainda que estas contingências são multideterminadas pela filogênese (características de uma determinada espécie), pela ontogênese (características únicas de cada pessoa e sua hist&oac…

Continue Reading

Analise do comportamento aplicada às organizações: considerações sobre o fenômeno do “Grito de Guerra” nas empresas

Sabemos que o contexto sócio – econômico capitalista direciona organizações rumo à produtividade, busca de excelência, qualidade e consequentemente, lucratividade oriunda de bens, consumo ou serviços. Entretanto, enquanto profissionais do comportamento humano imersos no sistema de RH e/ou em seus subsistemas (seleção, treinamento, desenvolvimento e assim por diante), sabemos que tal lucratividade, qualidade, excelência ou qualquer outra estratégia empresarial não pode ser planejada, executada, mensurada ou c…

Continue Reading


loading...