Archive | Liga Acadêmica de Análise do Comportamento do Piauí – LiAAC-PI RSS feed for this section

“Boa Noite Teresina” e a “Lei do Silêncio”: uma análise comportamental

O “Boa Noite Teresina” é uma expressão que ultimamente mais sendo muito utilizada pelos teresinenses… Caiu na boca do povo!

Ela é comumente utilizada por universitários, estudantes do ensino médio, pais de família, profissionais liberais, donas de casa, policiais e principalmente donos de pontos de lazer para fazer referência ao artigo 197 do Novo Código de Posturas de Teresina que determina o fechamento de bares, restaurantes, churrascarias, trailleres, casas de shows e similares às 2h da …

Continue Reading

Relações entre o Ensino a Distância e o Sistema Personalizado de Ensino

                                                                                 Anderson de Moura Lima

Objetivo do artigo é fazer uma análise do Decret…

Continue Reading

Associação Brasileira de Ensino de Psicologia e Análise Experimental do Comportamento

A Associação Brasileira de Ensino de Psicologia (ABEP) é uma entidade de âmbito nacional, que tem a sua natureza institucional voltada para a reflexão, o desenvolvimento e o aprimoramento da formação em Psicologia no Brasil. A ABEP compreende que a formação em Psicologia deve estar comprometida com a realidade social do país vinculado a ética e ao exercício da cidadania[1].
Continue Reading

Arquitetura, Urbanismo e Análise do Comportamento: uma possibilidade

Introdução

A Análise Funcional é a "essência" da Análise do Comportamento. Ela serve para identificar relações funcionais entre os comportamentos dos indivíduos e suas conseqüências. A Análise do Comportamento é uma ciência natural que estuda o comportamento de organismo vivos e íntegros. Baseia-se na premissa fundamental de que todo comportamento produz conseqüências no ambiente e essas conseqüências aumentam ou diminuem a probabil…

Continue Reading

A Análise do Comportamento como uma organização

O artigo  procura discorrer sobre possibilidades de promoção e desenvolvimento da Análise do Comportamento no Brasil comparando-a com uma organização voltada para a oferta de um produto agregado: uma tecnologia de modificação do comportamento.  O método utilizado para a construção do artigo foi a revisão bibliográfica e o referencial teórico utilizado foi o Behaviorismo Radical. O texto é dividido em cinco partes: uma introdução onde se apresenta os objetivos e a justificat…

Continue Reading

Um objetivo a cumprir!

Há 94 anos um pesquisador recém doutorado pela Universidade de Chicago lançou um breve texto. Orientado por James Rowland Angell esse estudioso propunha uma nova forma e objeto de estudo, um novo paradigma. Escreveu seu texto de forma clara e em poucas páginas, foi sincero e instigante, direto e revelador. Estava encantado com o que tinha descoberto.

Continue Reading

Por que a Ciência não traz felicidade

Nos meus cinco anos de curso de Psicologia ouvi várias vezes – talvez um milhão e meio de vezes! – as pessoas colocarem suas opiniões a respeito da ciência. A maioria das opiniões dizia respeito a críticas com relação a essa forma de conhecimento. Poucas vezes tive a sagrada oportunidade de ouvir mestres, colegas e amigos valorizar realmente a ciência e a considerar como forma legítima de conhecimento e parâmetro para a Psicologia evoluir.

Continue Reading

Um Breve Relato sobre o Behaviorismo Radical

A presente dissertação trata-se de uma exigência acadêmica da  disciplina de  Análise Experimental do Comportamento, ministrada pela professora  Hadassa Lourenço Pinheiro Santiago, para os alunos do 2º período de Psicologia  da  Faculdade Santo Agostinho(novembro / 2006).

Continue Reading

Desvendando a “força estranha”…

Falar de intencionalidade seria negar a célebre frase formulada por Lavoisier de que "na natureza nada se perde, nada se cria, tudo se transforma". E nossos comportamentos, uma vez considerados pela ciência como eventos naturais, não fogem dessa lei.

Continue Reading

Práticas Culturais?

É, caros colegas, práticas culturais. Apesar de inúmeros pseudocríticos afirmarem veementemente que desenvolvemos nossa prática e teoria somente manipulando e pesquisando ratos (o que não é menos interessante, pelo contrário, torna o aprendizado passível de generalização e aplicação no ambiente); os analistas do comportamento lidam com os comportamentos operantes de indivíduos que constituem comunidades, as quais geram ações coordenadas designadas pela comunidade verbal como práticas culturais. Mas, para a execução deste estudo comportamental em grupos, faz-se necessário a utilização de outra …

Continue Reading


loading...