Tag Archives | Psicanálise

Pulsão

Pulsão é o processo dinâmico que consiste em uma pressão, carga energética ou fator de motricidade, que faz tender o organismo para um alvo. Segundo Freud, uma pulsão tem a sua fonte em uma excitação corporal (estado de tensão); o seu alvo é suprimir o estado de tensão que reina na fonte pulsional; é no […]

Continue Reading

fetiche

Objeto material de qualquer espécie (ídolo, amuleto, talismã) que encarna qualidades mis­teriosas e sobrenaturais, e do qual se pode espe­rar auxílio em momentos cruciais. Em psiquiatria, dá-se o nome de fetiche ao objeto de amor da pessoa que sofre da parafilia chamada fetichismo – geralmente uma parte do corpo ou algum objeto pertencente ou associado […]

Continue Reading

fusão

Em psicanálise, a união de pulsões. Normal­mente, durante os primeiros meses da infância, as duas pulsões primordiais, a de vida e a de morte, estão separadas uma da outra, cada uma delas operando independentemente. Mais tarde, as duas se fundem em maior ou menor grau. Em condições psicopatológicas, dá-se freqüente­mente a defusão dos instintos. Por […]

Continue Reading

fuga para a doença

Conversão; a fuga à reali­dade ameaçadora por meio de sintomas de con­versão representa o ganho primário ou para­nósico da doença. fuga para a saúde Cura ou melhora de transferên­cia; transferência; o abandono de sintomas que ocorre não porque o paciente tenha resolvido a sua neurose, mas, antes como defesa contra a sondagem cada vez mais […]

Continue Reading

frustração, tolerância à

A capacidade de suportar a tensão resultante de um acúmulo de exigên­cias instintivas que não são imediatamente ali­viadas ou satisfeitas. O desenvolvimento da tolerância à tensão ou frustração é essencial para se conseguir o controle ativo pelo ego; a baixa tolerância à frustração e/ou a necessidade de imediata satisfação instintiva indicam grave imaturidade do ego.

Continue Reading

frustração

Do ponto de vista da psicologia dos instintos (psicanálise), o termo frustração refe­re-se geralmente à recusa de satisfação pela realidade. Às vezes, é chamada de frustração externa, para distingui-Ia da contrariedade de impulsos por forças no inconsciente ou tam­bém na consciência. Quando, no caso de uma pessoa mental­mente saudável, o meio não está preparado para […]

Continue Reading

Fromm-Reichmann, Frieda (1890-1957)

Psicana­lista de origem alemã que se transferiu para os USA em 1934, onde se naturalizou; diretora de psicoterapia do Chestnut Lodge Sanitarium; Escola de Psiquiatria e Psicanálise de Washington; psicoterapia da esquizofrenia.

Continue Reading

Freud, Sigmund (1856-1939)

Nenhum verbete de glossário, dicionário ou enciclopédia daria conta de quem foi este monumento da espécie humana. Médico, neurofisiologista e psiquiatra austríaco, fundador da psicanálise; conceitos de libido, regressão, transferência, repressão, sublimação, id, ego, superego, complexo de Édipo etc.; psicopatologia dos sonhos; avaliação das experiências e impressões infantis, e muito mais.

Continue Reading

formação substituta

Formação de sintoma; a tendência dos impulsos reprimidos para usarem qualquer oportunidade de descarga indireta. A energia do instinto recalcado é deslocada para qualquer outro impulso que esteja associa­tivamente ligado àquele, e a intensidade desse impulso substituto é aumentada; além disso, muda freqüentemente a qualidade do afeto ligado a ele. Tais impulsos substitutos são conhecidos […]

Continue Reading

formação reativa

É "o desenvolvimento no ego de atitudes e interesses conscientes, socializados, que são a antítese de certas tendências infantis, não-socializadas, que continuam persistindo no inconsciente". (Healy) Quando, por exemplo, uma solicitude excessiva é a res­posta consciente ao ódio inconsciente, a con­dição (excesso de solicitude) é conhecida como formação reativa. A formação reativa é uma forma […]

Continue Reading