Terapia a distância ganha regras

Preocupado com o crescimento do número de psicólogos que oferecem serviços terapêuticos pela internet, e embasado nos poucos estudos já feitos sobre o tema, o Conselho Federal de Psicologia elaborou uma resolução que servirá como um filtro para pacientes e profissionais. A partir deste mês, fica proibido o atendimento psicoterapêutico pelo computador. Todos os outros serviços tornam-se permitidos, como orientação psicológica e afetivo sexual, orientação profissional, de aprendizagem, reabilitação, consultorias e processos de seleção empresariais.

Fonte:[url=http://www.pol.org.br/Noticias/materia.cfm?Id=447&materia=725]POL[/url]
Preocupado com o crescimento do número de psicólogos que oferecem serviços terapêuticos pela internet, e embasado nos poucos estudos já feitos sobre o tema, o Conselho Federal de Psicologia elaborou uma resolução que servirá como um filtro para pacientes e profissionais. A partir deste mês, fica proibido o atendimento psicoterapêutico pelo computador. Todos os outros serviços tornam-se permitidos, como orientação psicológica e afetivo sexual, orientação profissional, de aprendizagem, reabilitação, consultorias e processos de seleção empresariais.

Fonte:[url=http://www.pol.org.br/Noticias/materia.cfm?Id=447&materia=725]POL[/url]

,

Comments are closed.