Crianças obesas costumam ser mais solitárias e ansiosas

O estigma da obesidade já é sentido nos primeiros anos de vida e traz consequências negativas como isolamento social, ansiedade e baixo desempenho escolar, segundo estudo realizado na Universidade do Missouri, nos Estados Unidos. Foram acompanhadas 8 mil crianças nos primeiros anos do ensino básico (com idades entre entre 6 e 9 anos). 

O estigma da obesidade já é sentido nos primeiros anos de vida e traz consequências negativas como isolamento social, ansiedade e baixo desempenho escolar, segundo estudo realizado na Universidade do Missouri, nos Estados Unidos. Foram acompanhadas 8 mil crianças nos primeiros anos do ensino básico (com idades entre entre 6 e 9 anos). 

Os resultados mostraram que as meninas são as que mais sofrem constrangidas e culpadas por sua condição, restringem mais seu círculo social e demonstram menos autocontrole em situações de conflito. Os autores advertem para as repercussões psicossociais deste tipo de discriminação na vida adulta e propõem que sejam adotadas nas escolas medidas de prevenção, orientação de professores e intervenção no âmbito da psicologia escolar.

Fonte: Mente & Cérebro

About RedePsi

Portal de Psicologia com Notícias, Artigos, Links e Serviços de Divulgação de Cursos, Eventos e Produtos da Área.

Comments are closed.