Pessoa que “segue” amigos sente-se bem em atividades em grupo

Segundo o pesquisador do CNPq Nelson Carvalho Marcellino, autor de livros sobre lazer, a pessoa tipo maria-vai-com-as-outras sente-se bem não porque está participando de uma atividade com o grupo, mas por causa da boa impressão que provoca nos outros.

Fonte: [url=http://www1.folha.uol.com.br/folha/equilibrio/noticias/ult263u3985.shtml]Folha Online[/url]Segundo o pesquisador do CNPq Nelson Carvalho Marcellino, autor de livros sobre lazer, a pessoa tipo maria-vai-com-as-outras sente-se bem não porque está participando de uma atividade com o grupo, mas por causa da boa impressão que provoca nos outros.

Fonte: [url=http://www1.folha.uol.com.br/folha/equilibrio/noticias/ult263u3985.shtml]Folha Online[/url]São os líderes do grupo que estabelecem os parâmetros do que é bacana fazer. “A pessoa acaba se colocando em uma posição passiva, tendo experiências de lazer que não são fruto de seus próprios desejos, mas de imposições e determinismos sociais”, diz Christianne Luce Gomes. “Romper com esse ciclo pressupõe compreender o papel do lazer na sua vida.”

About RedePsi

Portal de Psicologia com Notícias, Artigos, Links e Serviços de Divulgação de Cursos, Eventos e Produtos da Área.

Comments are closed.