BECK, Théodoric-Romeyn (1791-1855)

De ascendência anglo-holandesa, filho mais velho de cinco, dos quais três se tornariam médicos, Beck nasceu a 11 de abril de 1791, em Schenectady (estado de Nova York). Fez estudos de medicina em Albany, concluídos em 1811 em Nova York, com uma tese, "Dis­sertation on insanity", precedendo de um ano as Pesquisas e observações sobre as doenças do espírito de Benjamin Rush. Obra de compilação sem originalidade, dá um pano­rama dos conhecimentos psiquiátricos da época, mas já se preocupa com as impli­cações médico-legais da doença, problema ao qual Beck voltaria em 1823, nos dois tomos dos "Elementos de jurisprudência mé­dica", que teriam grande difusão na Inglaterra, na Alemanha e na Suécia, e que constituem a sua obra mais ilustre.

Professor em 1826 no Colégio de Medici­na de Nova York, depois no de Albany a partir de 1840, Beck publicou em 1828 "Notas es­tatísticas sobre os alienados nos Estados Uni­dos". Nomeado em 1842, como membro do Conselho de Administração do State Lunatic Asylum of Utica (NY), em construção, ligou-­se a A. Brigham, que estava fundando o American Journal of Insanity. Seria o seu redator-chefe com a morte de Brigham. Fale­ceu a 19 de novembro de 1855.

About Adalberto Tripicchio

Psiquiatra – Pós-doc em Filosofia
Membro do Viktor Frankl Institute Vienna
Docente da BI Foundation FGV/Berkeley

Comments are closed.