Bullying infantil causa resultados nocivos na vida adulta, diz pesquisa

Recente pesquisa apontou que o desenvolvimento de doenças e dificuldades de relacionamento são alguns dos resultados adversos enfrentados pelos adultos quando estes são expostos ao bullying na infância.

O estudo, publicado no periódico Psychological Science, apontam a extensão e aumento do risco de problemas relacionados a saúde, situação financeira e relacionamento quando o indivíduo pratica ou é exposto ao bullying, sendo que o estudo é notável ao olhar para fatores que vão além dos resultados relacionados a saúde.  

Participaram do estudo 1420 pessoas, com idades entre 9 e 16 anos e 24 a 26 anos; Os resultados apontaram que as vítimas do bullying estão sob os maiores riscos de problemas de saúde na vida adulta, com seis vezes mais chances de desenvolverem sérias complicações, como fumar regularmente, e desenvolver um distúrbio psiquiátrico, quando comparadas a indivíduos que não se envolveram em nenhum tipo de bullying.

O estudo aponta também poucos efeitos para os praticantes do bullying, pontuando que embora problemas psiquiátricos e familiares estejam envolvidos na família do praticante, o ato do bullying em si não acarreta impactos na vida adulta.

“Não se pode continuar a tratar o bullying como algo inofensivo, que deve ser enfrentado como parte do crescimento, mas sim como um problema sério tanto para o indivíduo quanto para as políticas públicas do país, com efeitos significantes e de longa duração”, conclui o estudo.

Leia mais sobre o estudo em http://www.medicalnewstoday.com/releases/265023.php

, ,

Comments are closed.


loading...