Habilidades sociais em fusão de organizações: uma estratégia preventiva do estresse

RESUMO

O atual panorama mundial das organizações passa por mudanças consideráveis,
marcadas principalmente por compras, incorporações e fusões de empresas, fruto
da globalização. O Brasil se inclui neste panorama de mudanças. Empresas
familiares, regionais e locais são compradas, passam por fusões. O Plano
Nacional de Desenvolvimento incentiva as fusões como forma de tornar as empresas
nacionais competitivas e comprometidas com a qualidade de produção. É
fundamental a presença de executivos empreendedores e competentes, supostamente
hábeis para empreender o processo. Contudo, parece não existir pesquisa sobre
que habilidades sociais são importantes para o enfrentamento das fusões. O
objetivo deste estudo é identificar: a) quais habilidades sociais são apontadas
como necessárias para quem exerce alguma forma de comando, em organizações que
passam por fusão; b) que sintomas de estresse,estes profissionais apresentam
enquanto participantes do processo de fusão; c) que habilidades sociai!
s possuem esses profissionais; d) características da saúde geral e e) a presença
ou ausência de ansiedade, desesperança, depressão e ideação suicida. Participam
deste estudo 10 sujeitos, funcionários de uma empresa, que passa pelo processo
de fusão, na região norte do Paraná e que exercem algum cargo de comando. Os
instrumentos utilizados na realização do estudo são: um questionário aberto com
o objetivo de se investigar e levantar os dados pertinentes aos itens a e b
acima citados; o Inventário de Habilidades Sociais de Prette e Prette; o
Questionário de Saúde Geral de Goldberg e as Escalas Beck, para atender aos
itens c, d e e respectivamente.
Os resultados obtidos indicam que os sujeitos tendem a identificar as
habilidades verbais de conteúdo como as mais importantes para enfrentar esses
momentos e são estas mesmas habilidades as mais desenvolvidas pelos mesmos.
Referem-se principalmente de irritabilidade constante, insônia, ansiedade, perda
de apetite e problemas estomacais como aos sintomas de estresse mais sentidos no
processo.
São pessoas que estão bem do ponto de vista da saúde mental.
Ao fim conclui-se pela necessidade de maiores investigações sobre habilidades
sociais em pessoas de comando em organizações passando por fusão.

Autores: Cesar Augusto Trindade Silva
Orientadora: Dra. Eda Marconi Custódio

Instituição: Universidade Metodista de São Paulo.

About RedePsi

Portal de Psicologia com Notícias, Artigos, Links e Serviços de Divulgação de Cursos, Eventos e Produtos da Área.

Comments are closed.