Quando os pensamentos negativos se tornam depressão?

Pesquisa indica que suprimir pensamentos negativos pode ajudar milhões de pessoas a não desenvolverem depressão. Segundo o estudo, é essencial a identificação desse processo de pensamento antes que ele se consolide.

Jaclene Zauszniewski, da Case Western Reserve University, desenvolveu um questionário de oito itens, denominado “Depression Cognition Scale (DCS)”; Tal questionário demanda aos indivíduos que respondam questões sobre incapacidade, desespero, falta de esperança, falta de propósito, desvalorização, impotência, solidão, vacuidade e falta de significado, usando uma escala que varia de “concordo plenamente” até “discordo plenamente. 

O objetivo do estudo era determinar o exato momento onde o pensamento negativo passa a estabelecer um padrão com a crise de depressão clínica, mesmo sem nenhuma expressão emocional ou sintoma físico associado à mesma.

Os autores buscaram primeiramente um score no questionário que apontasse o momento onde os sujeitos deveriam suprimir o pensamento negativo como prevenção a depressão; Os mesmos então concluíram que um score de sete no DCS, associado a fatores individuais e ambientais, demonstraria tal momento, sendo que os indivíduos deveriam iniciar estratégias para a troca de pensamentos negativos por positivos.

Participaram no estudo 629 adultos, que responderam previamente questões através da Internet; A faixa etária dos participantes variava de 21 a 84 anos, sendo que setenta por cento dos mesmos era do sexo feminino, sendo sua maioria com formação superior e com renda anual acima de quarenta mil dólares.

Fonte: Psych Central

 

,

Comments are closed.


loading...